Vazam novas informações sobre os processadores Zen da AMD

Vazam novas informações sobre os processadores Zen da AMD

Compartilhar

Além das GPUs Polaris, lideradas pela RX 480, que já está no mercado, a AMD tem outro grande lançamento para 2016: os processadores baseados na arquitetura Zen. E claro que como o hype em relação a essas novas CPUs está gigantesca, uma série de rumores pipocam na internet.

Lisa Su exibindo a primeira CPU Zen durante a Computex 2016

O novo registro é referente as especificações das primeiras amostras de engenharia, o que significa que as coisas podem mudar. O vazamento mostra que serão quatro modelos Zen: 4, 8, 24 e 32 núcleos. Sendo que o modelo de 4  e 8 núcleos seriam destinados ao consumidor final, baseados no socket AM4 (o mesmo que será utilizado também com as APUs), enquanto os modelos com 24 e 32 núcleos são voltados para o mercado corporativo, e utilizam o socket SP3.

  • Zen de 4 núcleos: socket AM4 4 MB de cache L2, 16 MB de cache L3, TDP de 95W
  • Zen de 8 núcleos: socket AM4, 2 MB de cache L2, 8 MB de cache L3, TDP de 65W
  • Zen de 24 núcleos: socket SP3, 12 MB de cache L2, 64 MB de cache L3, TDP de 150W
  • Zen de 32 núcleos: socket SP3, 16 MB de cache L2, 64 MB de cache L3, TDP de 180W

AMD: processadores Zen serão fortes candidatos contra os chips Skylake da Intel

Rumor: CPUs Zen terão duas vezes mais desempenho que o FX-8350

Nessa primeira amostra de engenharia (A0), os modelos com 4 e 8 núcleos teriam clock base de 2.8 GHz, podendo chegar a 3.2 GHz em modo boost (em Idle ficam em torno de 550MHz, com consumo de energia inferior a 5 watts) Já as variantes com 24 e 32 núcleos contam com frequência máxima de 2,75 GHz e 2,9 GHz, respectivamente.

Os processadores Zen contam com processo de fabricação FinFET de 14nm, além de utilizar a tecnologia SMT (Simultaneous Multithreading), deixando de lado o CMT (Cluster-based Multithreading), o que significa que cada núcleos poderá processador duas instruções diferentes. A AMD promete 40% a mais de IPC (Instruções por ciclo) do que a geração anterior (Vishera).

Os primeiros processadores Zen chegarão ao mercado ainda em 2016.

Fonte: Hardware.com.br