Patch para o Linux confirma 4096 shaders na Radeon RX Vega e...

Patch para o Linux confirma 4096 shaders na Radeon RX Vega e outras specs

Compartilhar

radeon-rx-vega-linux-patch-specs_chamada

Um novo patch do Linux revelou e confirmou algumas informações a respeito das futuras GPUs Vega da AMD. Depois de tantos vazamentos, os números que aparecem nas linhas de código do sistema operacional podem praticamente ser considerados como certos:

case CHIP_VEGA10:
adev->gfx.config.max_shader_engines = 4;
adev->gfx.config.max_tile_pipes = 8;
adev->gfx.config.max_cu_per_sh = 16;
adev->gfx.config.max_sh_per_se = 1;
adev->gfx.config.max_backends_per_se = 4;
adev->gfx.config.max_texture_channel_caches = 16;
adev->gfx.config.max_gprs = 256;
adev->gfx.config.max_gs_threads = 32;
adev->gfx.config.max_hw_contexts = 8

O que os códigos nos dizem é que poderemos contar, na Vega, com 4 Shader Engines, 64 NCUs, 4 Render Back-Ends e 256 unidades de textura. Isso totaliza em 4096 shader processors, se for mantido o mesmo número de 64 stream processors por CU que já apareceram nas Fiji e que provavelmente não será alterado. Os números, aliás, trazem muitas semelhanças com as placas Fiji, como bem nota o TechPowerUp, mas com o novo processo de 14nm podemos ver clocks bem maiores, colocando a AMD enfim de volta na briga das placas de vídeo high end.

Fonte: TechPowerUp ,  Guru3D