Intel diz que seus chips de 10nm serão muito superiores aos da...

Intel diz que seus chips de 10nm serão muito superiores aos da concorrência pela questão do número de transistores

Compartilhar

Qualcomm e Samsung saíram na frente da Intel na corrida pelos processadores de 10nm, porém isso não significa que a gigante de Santa Clara está parada, e que irá ficar atrás por muito tempo, aliás a companhia fez questão de ressaltar recentemente que nem todos os processadores de 10nm são iguais. Esse avanço vai muito além da redução do processo de fabricação, envolve também dobrar a quantidade de transistores. A Intel até poderia já ter passado para os 10nm, porém se isso envolvesse apenas a redução dos nanômetros mas não dobrasse a quantidade de transistores não estaria de acordo com o que eles tratam como uma verdadeira evolução.

É por isso que a Intel diz que quando entrar realmente nos 10nm – que será através da geração Cannon Lake – ficará bem à frente de concorrentes. Em comparação com os seus próprios processadores o salto também será bem significativo. A companhia diz que quando comparado com os Kaby Lake (que são produzidos em 14nm), o desempenho será 25% maior e o consumo energético será 45% menor.

E assim como aconteceu com os chips de 14nm, a Intel manterá com o de 10nm, aquele ritual de manter a mesma litografia por mais tempo no mercado, mas ir aprimorando a cada nova geração.

Além dos 10nm, vale relembrar que a Intel já está investindo nos 7nm. Em fevereiro a companhia anunciou o investimento de 7 bilhões para a construção de uma fábrica que será a responsável pelos chips de 7nm, que devem chegar ao mercado provavelmente em 2021.